Search

Content

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Prosperidade


Você pode ter um império, mas se você tem medo da pobreza, você não conhece a prosperidade. Não importa quantos bilhões você tem na conta, se você é atormentado pelo medo da escassez, você não conhece a prosperidade. A prosperidade nasce da confiança; a confiança de que você terá todas as suas necessidades atendidas.
Uma pessoa próspera não tem medo da escassez. Uma pessoa próspera é sempre generosa. Ela sempre dá com alegria, torcendo para que o outro faça um bom uso, para que ele seja feliz. A avareza é um desdobramento do medo. Ela é a trincheira que o medo da escassez usa para se esconder. Ela vai alimentando essa ideia de que você é um ‘eu’ separado.
A nova economia precisa nascer do amor. E um dos principais elementos é a cooperação, pois a cooperação nasce do amor. Quando você está vibrando na confiança, você percebe que é possível ser próspero junto com o outro, porque você percebe que a fonte é infinita - não existe falta no mundo de Deus.
Fonte-internet

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes