Search

Content

segunda-feira, 28 de maio de 2012

o sexo tântrico

  Depois do sucesso do texto (Mulher gosta é de Pegada!) Vamos para algo mais Zen.... Afinal, o gostoso é descobri novas experiências. Vamos lá, SEXO TÂNTRICO filosofia milenar que nasceu na Índia há milênios e chegou até nós principalmente por trazer benefícios para a sexualidade.


O carinho e amor que sentem serão traduzidos em gestos, toques e olhares numa relação sexual que durará horas sem orgasmo... Sem pressa, sem gestos afoitos ou rudes. Corpos relaxados, ambiente tranquilo, música suave. (hummmm )

Horas de carícias, beijos, toques, sussurros, olhos presos um no outro. Penetração leve, cadenciada, controlada. O gozo ameaçará chegar, os corpos se afastarão, respirarão, acalmarão. E recomeçarão. Bocas e mãos perder-se-ão na maciez da carne, em lugares quentes e úmidos buscando prazer. E quando o prazer chegar será soberbo, arrasador, único.

 Excitante, não? Isso se chama sexo tântrico, originado da doutrina Tantra.  Bem diferente da nossa PEGADA. A prática não quer apenas potencializar o orgasmo e intensificar o prazer. É mais que isso: é espantar a afobação ao concentrar e espalhar a energia sexual pelo corpo.

 O Tantra parte do princípio que o homem deve explorar todos os seus sentidos ao máximo e jamais reprimi-los. A doutrina considera a mulher como uma deusa (ou divindade) e seu corpo, um templo a ser adorado. ( Pensando alto kkkk)


Não é por acaso que, no sexo tântrico, a mulher invariavelmente fica por cima de seu companheiro, pois ela não deve “ser possuída”, e sim, “possuir”.(é por isso que digo que não é o homem que come e sim a mulher rsrs)
 Crê-se que toda uma cadeia energética é criada na união, a energia ativa, material e a energia espiritual. Não é por acaso que os praticantes são aconselhados antes de suas relações a energizarem o ambiente, assim, a fim de atingirem o chamado hiper orgasmo. (O Q Q isso? rs)

E esse nosso velho conhecido é muito pouco praticado devido à correria do dia-a-dia, inúmeros compromissos, tais como: academia, mercado, faculdade, problemas dos filhos, serviço extra trazido para casa. Na hora do alívio, vale dar uma rapidinha básica, fazer um sexozinho sem compromisso mesmo, virar para o outro lado e pronto! Dorme-se com a sensação de missão cumprida. E na pressa ou mesmo no sexo casual não há como descobrir as maravilhas desta forma de relação sexual, com todas as etapas e posições. Sim, etapas e posições. Em se tratando de sexo tântrico o que conhecemos sobre "cama" não serve. ("a cama é o produto final de todo sexo.
é onde vc termina , mais que comeca em pé, em cima da mesa, no sofá, no banheiroe etc " Johnys Lima)

Antes de iniciar o sexo tântrico cabe a ambos a preparação do ambiente, que jamais deverá estar em escuridão total, pois o contato visual é importantíssimo.

 Incensos e velas aromáticas, além de frutas, também podem ser usados. Música –  e em tom baixo – é perfeita! (uma música romantica viu gente?)Tudo começa com carícias, frases e palavras de carinho sussurradas. Beijos longos e massagens, utilizando óleos aromáticos, dão sequência ao ritual. Aqui também pressa, rapidez e urgência são palavras e atos proibidos.( Nada de tapas e xingamentos deixa pra outro dia rsrs) Concentração em si mesmo e no(a) parceiro(a) é fundamental.
 Depois são utilizadas as 10 posições para o sexo que dura, no mínimo, duas horas e onde se alternam relações, descansos, algumas frutas e muito carinho. Se ocorrer o gozo e/ou ejaculação num período inferior, as mesmas são consideradas “precoces”. kkkkkkkkkkkkk(rindo alto)

 As 10 posições formam um crescer de energia e prazer. Toda atenção é necessária para que o orgasmo iminente seja identificado e neutralizado antes da 10ª posição. Uma das formas é pausar a relação, dar um descanso aos membros tensionados e aí, sim, recomeçar. A última posição, aquela que trará o grande orgasmo, consiste no homem deitado e a mulher, suavemente, sentada de costas e sobre ele. Ele, penetrando-a, acaricia seios, quadris, nuca... Agora... Não vá chamar seu(sua) parceiro(a) para “fazer um sexo diferente” sem se familiarizarem com as técnicas e depois vir pra cá me culpar. Como tudo na vida são estudo e treino, vocês devem começar devagar aproveitar o dia dos namorados que ta perto, ler mais sobre o assunto e fazer uma surpresa. Preparem o ambiente e, o mais importante, os corpos para a experiência (corram para uma academia kkk).
 Procurem literatura (internet ou livros) que expliquem, não só a filosofia Tantra, como as etapas e posições. Aproveitem. Conheçam-se. Amem-se. Muito! E, por favor, nada de olharem o relógio para ver se as duas horas passaram para poderem gozar!!!

kkk #ficaadica

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes