Search

Content

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Marquês de Sade

Bom dia amigos, quando iniciei o blog a primeira coisa q veio a minha mente foi Sade. kkkk Calma gente, a minha vontade era de discutir sobre a vida e as obras dele. Mas tive que me conter e ate hoje não me sinto avontade de falar sobre Sade aqui no blog. A sua literatura é de AFRONTA e sempre causa muita polêmica.A minha intenção é dispertar no leitor um esforço mental kkkk, para deixar de ver apenas pornografias nos escritos Sadianos.
"...e que nada nem ninguém é mais importante do que nós próprios. E não devemos negar-nos nenhum prazer, nenhuma experiência, nenhuma satisfação, desculpando-nos com a moral, a religião ou os costumes."
O Marquês de Sade foi sem dúvida uma das figuras mais polêmicas da história. Nascido na aristocracia francesa do século XVIII teve uma vida marcada pelos excessos, pela polêmica e por diversas estadias em prisões e manicômios.
Era uma pessoa altamente racional e filosófica,
mas para se chegar ao nível da linguagem sadiana se faz necessario um esforço mental muito delicado e sutil!depois q deixar d ver apenas simples pornografia nos escritos sadianos é q dar pra vê a singularidade de sua obra. não tinha compromisso nenhum com suas idéias: Ele dava a si mesmo a liberdade de brincar com o que era sério, sendo suas teorias uma antítese simétrica da moral cristã. Era uma literatura de afronta, de contestação, e não necessariamente a pregação de algum tipo de crença pessoal.
“Dizem que meu modo de pensar não pode ser admitido. E o que tem demais? Bem louco é aquele que deseja prescrever aos outros um modo de pensar... Não foi meu modo de pensar que provocou minha desgraça, e sim o modo de pensar dos outros”. Marquês de Sade
mas vejo sempre as obras de sade por outro angulo, que nao é o pornografico e sim uma critica a hipocrisia social, politica... a essa moral estupida que todos querem que sigamos a risca.... a literatura sadiana, na realidade é surrealista, escrita de forma simbolica, mas muitos ainda enxergam nela apenas a parte sexual. aborda a liberdade sexual de ambos os sexos. De acordo com estas últimas, Sade se recusa a classificar as mulheres apenas de máquinas reprodutoras e lhes dá a liberdade de se tornarem seres sexuais.
Sade declara-se inequivocamente favorável ao direito da mulher de fornicar [...]. Ele estimula as mulheres a fornicar tanto quanto puderem, de modo que, fortalecidas por sua enorme energia sexual, até então represada, elas sejam capazes de penetrar na história e, assim, mudá-la.
Espero um dia poder aprofundar sobre Sade aqui. Por hj basta!! Ahhhh tem uma frase dele que eu amo >>> "A arte veio para mostrar que a vida tem muito mais "

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes