Search

Content

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Cervejaria de Feira de Santana Heineken Brasil recebe Prêmio Gestão de Qualidade Bahia

Enquanto outros setores da economia ainda sentem as dores de cabeça da ressaca pós-crise, os fabricantes de bebidas alcoólicas celebram. O crescimento no volume de vendas e na participação de mercado das principais companhias mostra que a recessão não tem prejudicado os hábitos de consumidores de vinhos, cervejas e destilados em todo o mundo.









A cervejaria da Heineken Brasil de Feira de Santana, na Bahia, recebe hoje dia 20 de julho o Troféu Bronze do Prêmio Gestão de Qualidade Bahia 2011. A cerimônia de entrega tem início às 18h30 no Auditório do Sistema FIEB, em Salvador. Na manhã do mesmo dia, representantes da cervejaria participam com os outros vencedores desta premiação de um painel do 13º Seminário de Benchmarking, um importante evento na agenda dos executivos da região que discute as mais modernas práticas de gestão.



O Prêmio Gestão de Qualidade Bahia e o Seminário de Benchmarking são realizados pela Associação Baiana para a Gestão Competitiva. O objetivo dos eventos é apresentar organizações que se destacam nas práticas de gestão alinhadas às necessidades de clientes, fornecedores, acionistas, funcionários, comunidade e sociedade.

A cervejaria Heineken de Feira de Santana
A fábrica de Feira de Santana foi inaugurada em 1994, nesta época ainda denominada Cervejarias Kaiser. A partir de 2010, com o controle acionário da Heineken Internacional, a empresa passou a denominar-se Heineken Brasil. A cervejaria em Feira de Santana é responsável pela distribuição de produtos nos estados de Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, além ainda de atender os estados do TO e AM. O sistema nacional de distribuição é o sistema Coca-cola, por franquias regionais, que na Bahia é denominada Norsa. A unidade fabril trabalha com o sistema ISO 9001 desde 1999 e com ISO 14001 e OHSAS 18001 desde 2005. Como principais premiações conta com o Prêmio Heineken de Excelência Fabril (2006 e 2010), o 2º lugar no Prêmio Nacional de Uso e Conservação de Energia (CNI-2006), 5 edições do Troféu Guardiões do Meio Ambiente (Secr. Municipal de Meio Ambiente) e o Certificado Verde (Câmara de Vereadores – Feira de Santana - 2005).

Sobre a Heineken Brasil

A Heineken Brasil foi criada formalmente em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA. Baseada em São Paulo, é subsidiária da Heineken NV, uma das maiores cervejarias do mundo. No país, a empresa gera cerca de 2,3 mil empregos e possui oito cervejarias localizadas em Jacareí (SP), Araraquara (SP), Gravataí (RS), Ponta Grossa (PR), Cuiabá (MT), Feira de Santana (BA), Pacatuba (CE) e Manaus (AM) com capacidade total de produção de 19 milhões de hectolitros. São produzidos e comercializados no país os seguintes produtos: Kaiser, Summer Draft, Kaiser Bock, Gold, Bavaria Clássica, Bavaria Premium, Bavaria sem álcool, Heineken, SOL Pilsen, Sol Premium, Xingu e Santa Cerva. A companhia importa ainda as cervejas Dos Equis, do México, Amstel Pulse, da Holanda, Birra Moretti, da Itália, Edelweiss, da Áustria, Murphy's Irish Stout e Murphy's Irish Red, ambas da Irlanda.



Marca de cerveja premium mais internacional e valiosa do mundo, a Heineken está presente em quase todos os países. A Heineken International é a maior cervejaria da Europa, segunda do mundo em rentabilidade e a terceira em volume. A Heineken opera 140 cervejarias em mais de 70 países, e em 2010 vendeu 205 milhões de hectolitros.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes