Search

Content

terça-feira, 10 de abril de 2012

Segredos da linguagem erótica

Os cinco sentidos foram feitos para serem explorados ao máximo. É através deles que sentimos o mundo a nossa volta. São eles que nos conectam com as sensações e nos fazem sentir vivos. Não é diferente na hora do sexo. Cada sentido é importante. Cada um nos faz viajar de uma maneira diferente. Olhar, tocar, lamber e cheirar é fundamental, mas também é preciso saber falar e ouvir. Nessa hora muitas mulheres sentem dificuldade, pois desconhecem as sutilezas que fazem parte do território dos gemidos e sussurros. Qual é o limite entre o sensual e o vulgar? O que pode excitar mais e o que pode acabar com um momento de prazer? Como eu posso me comunicar com meu parceiro de forma envolvente e mesmo assim fazê-lo entender o que eu gosto, o que estou sentindo e o que quero que ele faça?
Com certeza existem alguns caminhos que você poderá percorrer para afiar a sua língua e perder o medo de soltar o verbo.
 Veja alguns deles abaixo, sinta e escolha quais você vai usar para tornar-se uma expert na arte da linguagem erótica:


- Primeiramente concentre-se na sua voz. A voz sensual é como uma carícia. Deve ser gostosa a ponto de estimular o desejo e deve ter uma intenção claramente sexual. Procure falar baixo isso fará com que ele se aproxime mais para ouvi-la. Mantenha um tom aveludado, fale devagar e mantenha a respiração pausada, quase ofegante.

- Faça elogios. Primeiro de uma forma geral, dizendo como ele é gostoso, cheiroso....Depois de forma mais específica: “Acho uma delícia suas coxas!”. Escolha as palavras certas. Achar uma delícia é muito mais sensual do que achar bonitas, não é?

- Incentive. Se ele estiver no caminho certo faça-o saber disso! Ao invés de dizer: “Não pare!” experimente dizer: “Se você continuar assim, não me responsabilizo pelos meus atos...”
- Use frases de efeito e deixe claro o que sente. Um exemplo? “Você é tão gostoso que não consigo tirar a minha boca do seu corpo...”

- Faça perguntas insinuantes: “Você gosta quanto eu te beijo assim?” ou “Você está vendo como me deixou arrepiada?” - Fale o nome dele várias vezes. Os homens adoram ouvir seu nome sendo dito entre gemidos de prazer.
 - Assuma uma postura mais ativa e provoque os instintos mais selvagens dele. Nesta hora, dar ordens pode ser muito sexy. Como? Faça uma carinha bem sensual e diga: “Tire minha roupa...Agora!”.

- Homens adoram ser desafiados. Instigue o seu a satisfazê-la: “Duvido que você faça um strip-tease pra mim” ou “Será que você é capaz de descobrir meu ponto fraco?”.
- Explique com jeitinho o que você mais gosta. Mudar a construção de uma frase faz toda a diferença. Ao invés de dizer: “Não morda!” diga “Quando você lambe, eu vou ao delírio!”.

- Aprenda a pedir o que quer sem necessariamente ter que pedi-lo.
 Ficou confusa? Então perceba sutileza entre: “Você bem que podia me fazer uma massagem” e “A-DO-RO quando você faz massagem em mim”. Se ele for esperto, vai colocar as mãos em ação, bem rapidinho! Com estas dicas você não tem mais desculpas para não dar um verdadeiro banho de língua no seu gato! Então...o que você está esperando?

Fernanda Pauliv Fernanda Pauliv é consultora e instrutora de artes sensuais e técnicas sexuais

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes